Representantes da Enap visitam embaixadas e agências de cooperação internacional
20/08/15 - Desde maio deste ano, representantes da Escola Nacional de Administração Pública (Enap) têm realizado visitas de cortesia a embaixadas de diversos países e agências de cooperação internacional.

A iniciativa se insere no contexto da internacionalização crescente das ações da Enap, para além das atividades de cooperação técnica internacional Sul-Sul. Inclui, ainda, a participação em diversas redes e programas internacionais e a realização de parcerias com escolas de governo e instituições educacionais de excelência, presentes em diversos países.

De acordo com a chefe da Assessoria de Cooperação Internacional da Enap, Cecilia Lariú, tais iniciativas fortalecem o papel da Escola enquanto instituição de formação e aperfeiçoamento de servidores públicos federais. “É desejo da Enap ampliar as oportunidades de acesso dos servidores a importantes instituições educacionais, com o intuito de aprimorar as entregas de serviço público à sociedade. Nesse sentido, o presidente tem estabelecido contato com embaixadores, com o propósito de apresentar a Escola e suas atividades, aproximando a Enap da comunidade internacional e prospectando oportunidades de cooperação com instituições análogas em outros países”, destacou.

A Embaixada da Itália foi a 12º visitada. Da Enap, estiveram presentes o presidente, Gleisson Rubin; a diretora de Comunicação e Pesquisa, Marizaura Camões; a chefe de gabinete, Aline Soares; e a chefe da Assessoria de Cooperação Internacional, Cecilia Lariú. Por parte da Itália, participaram o embaixador da Itália no Brasil, Raffaele Trombetta; e seu chefe de gabinete, Alberto La Bella.

Durante o encontro, foi manifestado o interesse pelo embaixador italiano em avançar nas ações de cooperação com a Escola, em especial em temas relativos à sustentabilidade. Segundo ele, “a própria Embaixada é um exemplo de construção sustentável, que utiliza energia solar e reaproveitamento da água, cujo projeto foi concebido por especialistas italianos e executado por profissionais brasileiros”.

Até o momento, Alemanha, Canadá, Chile, Coréia do Sul, Espanha, Finlândia, México, Noruega, Holanda, Reino Unido, Suécia e Itália, além da Agência Alemã de Cooperação Internacional (GIZ) e da Agência de Cooperação Internacional do Japão (Jica) foram contempladas com visitas.